Google+ Followers

sábado, 17 de novembro de 2007

Lucro de US$ 4,4 milhões nos primeiros nove meses - Business

O Mercado Livre, portal de comércio eletrônico que atua no Brasil e em mais 11 países da América Latina, divulgou os resultados financeiros do terceiro trimestre e dos primeiros nove meses do ano. A receita líquida consolidada da companhia entre julho e setembro totalizou US$ 22,8 milhões, o que representou um crescimento de 72,4% na comparação com o mesmo período do ano passado.

A receita no trimestre com o comércio eletrônico entre empresas (B2B) totalizou US$ 18,1 milhões, um crescimento de 60,6% na comparação com os US$ 11,3 milhões obtidos no mesmo período de 2006. Já a receita com pagamentos online contabilizou US$ 4,7 milhões, um incremento de 141,8% em relação ao US$ 1,9 milhão em igual período do ano passado. O take rate (percentual de receita líquida sobre o volume total de produtos negociados) aumentou para 5,8% durante o trimestre, comparado com 4,7% em 2006.

O lucro líquido para o período de três meses foi de US$ 2,8 milhões. O resultado inclui US$1 milhão em despesas contábeis associadas ao incremento do valor de mercado das garantias em aberto durante o trimestre. Essas garantias foram exercidas em sua totalidade, o que torna a despesa um encargo não recorrente em exercícios futuros.

A receita do Mercado Livre nos primeiros nove meses contabilizou US$ 58,2 milhões, um aumento de 59,1% quando comparada com os US$ 36,6 milhões em igual período de 2006. A margem bruta cresceu 61,2%, totalizando US$ 45,4 milhões, ante US$ 28,2 milhões do mesmo intervalo do ano passado.

O lucro líquido consolidado nos primeiros nove meses foi de US$ 4,4 milhões, ante US$ 800 mil registrado no período de janeiro a setembro de 2006. O resultado inclui US$ 3 milhões em despesas contábeis associadas ao incremento do valor de mercado das garantias em aberto durante o período.

O número de novos usuários registrados no terceiro trimestre somou 1,7 milhão, 6,4% superior ao apurado no mesmo intervalo de 2006. O número total de usuários registrados atingiu 23,3 milhões, o que representa um incremento de 40,6% sobre os 16,5 milhões de usuários registrados em setembro de 2006.

tiinside

Eu já fui um viciado no ML. Comprava cada porcaria que dava dó, hehe. E você? Acredita que estamos vivendo uma bolha de crescimento do B2C ou esta realidade tende a se perpetuar com grandes crescimentos para outras áreas?

Nenhum comentário: