Google+ Followers

domingo, 15 de fevereiro de 2009

Onde você vê a crise eu vejo a oportunidade

Eu não acredito em crise como estão divulgando por ai, mas conheça 10 regras para se manter vivo em momentos de incertezas no mercado:

1 – Antecipe-se à crise.
Não seja surpreendido por ela e nem a superestime. Seja realista. Ela vai passar e você só precisa se preparar para o tempo que ela durar. Não dê ouvidos a apenas estatísticas que são dadas sem se aprofundar no entendimento dos números que são apresentados.

2 – Faça um levantamento de estoque.
Verifique os itens que não têm girado nos últimos 3 meses, verifique a margem de lucro desses produtos e planeje uma promoção, com uma margem reduzida. Não queime todos os produtos sem giro do estoque num único mês. Comece pelo que gira menos e vá liquidando mensalmente.

3 – Evite demissões.
A primeira reação que um pequeno empresário tem ao enfrentar uma crise é demitir. Isto só transfere a crise de lugar, em um contexto geral. Não se esqueça de que, se você demitir, terá de assumir algumas tarefas que aquele funcionário fazia e o trabalho, a executar, lhe tomará o tempo de planejar e descobrir estratégias de negócios. Além disso, demitir custa caro e readimitir, também.

4 – Reduza custos financeiros.
Se você trabalha com vários bancos, analise qual tem as melhores taxas de manutenção de conta e juros. Depois dessa observação, vá centralizando suas contas no banco que oferece as melhores vantagens. Verifique ainda a possibilidade de reduzir taxas de juros por meio da renegociação dos contratos.

5 – Seja criativo com o cliente.
Quando você abriu sua empresa já sabia que teria de arregaçar as mangas e “achar um jeito” para fazer o negócio. Se hoje você está em uma posição mais confortável, volte a agir como antes e use sua criatividade para abrir novas frentes de negócio. Você está numa maré aonde o cliente vem até você? Chegou o momento de pesquisar quais deixaram de comprar e fazer contato.

6 - Não negligencie o Marketing.
Não cancele os investimentos em comunicação. Uma das piores coisas que você pode fazer neste momento é retirar o seu nome da mídia. Se você tem fixado a marca de seu negócio, retira-la vai demonstrar para seus clientes que você não está indo bem.

7 – Controle as despesas.
Planeje bem as visitas que terá de fazer. Faça visitas produtivas, ou seja, planeje suas saídas para clientes de tal forma que possa visitar mais de um na mesma região, sem retornos constantes e, ainda, possa visitar fornecedores e, por exemplo, ir ao banco.

8 – Faça um levantamento minucioso dos custos.
Você certamente se surpreenderá com alguns itens que dão uma margem muito alta e outros que estão dando prejuízo. Reveja cada caso e analise seu ponto de equilíbrio para focar naqueles produtos que lhe darão retorno e não serão facilmente abandonados pelos seus clientes. Faça o mesmo com seus clientes. Quais estão lhe dando um bom retorno e quais você precisará rever a estratégia de atendimento.

9 – Faça um estudo das compras nos últimos 12 meses.
Alguma coisa de seu estoque foi comprada para ajudar o fornecedor a cumprir a meta de venda dele? Chegou o momento de verificar a possibilidade de devolução, repasse ou outra estratégia para diminuir o seu estoque e gerar recursos. Para alguns tipos de negócios há a possibilidade de você ceder o seu espaço para que o fornecedor coloque os produtos dele em consignação, o que seria uma boa estratégia, pois deixar sua loja sem mostruário também causa má impressão no cliente.

10 – tenha uma visão sistêmica de sua empresa.
Apesar de serem concorrentes, os outros negócios semelhantes ao seu estão passando pelo mesmo período de crise. Se você tem trabalhado isolado, o momento é oportuno para ficar atento ao que sesta acontecendo com seu ramo, o que as associações estão fazendo, pois empresas que fazem parte de uma cadeia produtiva organizada têm mais chance de sobreviver.


Fonte: www.administradores.com.br


E o futuro?


“A melhor maneira de prever o futuro é cria-lo.”Peter Drucker

“O futuro está escondido por trás dos homens que o fazem.”Anatole France

“O futuro tem muitos nomes: para o fraco, é o inalcançável; para o medroso, o desconhecido; para o valente, a oportunidade.”
Victor Hugo

“Os homens e os povos em decadência vivem se recordando de onde vêm; os homens sábios e os povos fortes precisam saber para onde vão.”José Ingenieros. “Autor de “O homem medíocre”

“No que diz respeito ao futuro, existem três tipos de pessoas: as que o deixam acontecer, as que o fazem acontecer e as que se perguntam o que aconteceu.”John M. Richardson Jr. Professor da American University

“Ó vida futura! Nós te criaremos.”Carlos Drumond de Andrade


Paulo Rubini, Consultor de Empresas




Nenhum comentário: