Google+ Followers

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Mentir no currículo pode virar crime


Mentir no currículo pode se tornar crime, com detenção de dois meses a dois anos para infratores.

É o que prevê o Projeto de Lei 6561/09, que tramita na Câmara dos Deputados.

Embora o Código Penal preveja penas para casos de falsidade de documentos, não há punição específica para falsidade de currículos, que, de acordo com o projeto, é alvo frequente de falsificações ou alterações do conteúdo verdadeiro original com o objetivo de obter vantagens indevidas.Segundo o texto, de autoria do deputado Carlos Bezerra (PMDB/MT), a punição será atribuída aqueles que falsificarem o currículo, integralmente ou em parte, inserindo informação falsa nele ou em banco de dados que armazene ou disponibilize para consulta o respectivo conteúdo, para satisfazer interesse ou sentimento pessoal, causar dano a terceiros ou habilitar alguém a obter cargo, emprego, função, título, bolsa de estudos, isenção de ônus ou de serviço de caráter público, ou qualquer outra vantagem.

Como montar um bom currículo
Em um mercado de trabalho cada vez mais competitivo, montar um currículo que seja flexível e atenda a diversas vagas não é uma tarefa fácil. No entanto, a dificuldade não deve ser entendida como justificativa para mentir ou acrescentar dados a mais no documento para tentar impressionar o empregador. Tal postura tem feito contrário: acaba afastando ainda mais o profissional da vaga almejada.

Confira, a seguir, 12 dicas para auxiliá-lo na criação de um bom currículo e se preparar adequadamente, antes da entrevista, e, dessa forma, aumentar as chances de conquista de uma oportunidade de trabalho.

Leia o artigo completo no INFO PLANTÃO

Nenhum comentário: