Google+ Followers

sábado, 26 de dezembro de 2009

Três competências para manter o foco

1 – A de mercado. Para maximizar receitas via produtos e canais de venda;
2 – A de implantar processos internos eficientes. Para minimizar custos;
3 – A de recrutar e capacitar pessoas. Para operar as duas outras competências.

Você não conseguirá sucesso empresarial seguindo o modelo de uma clínica médica sendo um atacadista de móveis para escritório. Entretanto, qualquer empresa de qualquer tamanho ou setor tem de seguir as competências citadas acima. Salvo as peculiaridades de cada tipo de negócio, a receita é a mesma para todas. É como se fosse um mesmo cardápio, mas com temperos e acompanhamentos diferentes.

A grande sacada é cada tipo de negócio dosar recursos para, de forma desigual, com método e inteligência, alocar recursos entre os três itens do cardápio. Por exemplo, a Petrobrás deve enfatizar mais as rotinas internas do que as de mercado. Na Apple, o produto é mais importante do que eficiência em rotinas internas.

Se sua empresa busca talentos, como numa empresa de design de games, você deve fazer de tudo para atrair o tipo de talento que precisa, mudando continuamente a forma do molde, mas focando sempre em gente. O molde não quebra, muda de forma. Sem foco num modelo não se inova.

Toda empresa tem receita, custo e gente, portanto, tem de gerenciar as três competências; as fontes de dinheiro novo, porém, distribuem-se desigualmente entre elas.

Um comentário:

MaRi MaSsArIoL disse...

Caramba!
Acessei o blog para tomar conhecimento do mesmo e, quando me dei conta, já estava ao final da terceira postagem dentre as mais recentes. Muito bom, não digo que deveria ser leitura obrigatória daqueles que querem se aprimorar e adquirir novos conhecimentos pois tudo que é obrigatório passa a imagem de chato!
Mas eu estarei sempre aqui!
:)
Super 2010!