Google+ Followers

quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

Ecologia de consumo

Ecologicamente corretos. Essa é a tendência de consumo do momento. O setor de moda, por exemplo, já cunhou o termo ecomoda para as iniciativas atreladas ao uso de materiais que colaboram com a sustentabilidade do planeta.


A coleção de verão 2008 da Timberland, batizada de Earthkeepers traz camisetas desenvolvidos com algodão orgânico – cujo cultivo, sem agrotóxicos, não agride o meio ambiente -; o algodão naturalmente colorido – cultivado no estado da Paraíba, já nasce com as fibras coloridas e não tem necessidade de tingimento com corantes que prejudicam o solo -; e o algodão com PET reciclado.


Da Imaginarium, rede de franquias que prega o fundesign, as blusas femininas são confeccionadas em fibra de bambu, obtida por um processo natural - além de um toque macio, a fibra tem propriedades anti-bactericidas e alta absorção de umidade. As embalagens também abraçam a causa, se transformam em cartaz de conscientização, com várias dicas de pequenas atitudes que podem contribuir para um mundo mais sustentável.


Não só o planeta agradece como também muitos consumidores ficam satisfeitos em comprar produtos e serviços de empresas preocupadas com o desenvolvimento sustentável. Uma pesquisa realizada pela Market Analysis e pelo Instituto Akatu revelou que 33% dos compradores brasileiros adotam atitudes conscientes na hora das compras, o que representa uma em cada três pessoas.


Além disso, 37% dos entrevistados afirmam pagar mais por materiais não-nocivos ao meio ambiente e oito em cada 10 consumidores que manifestaram disposição a pagar mais, aceitariam um sobrepreço de 25% a 35% pela mercadoria com selo ambiental.


Estudo feito pela TNS Interscience para a Consumidor Moderno, com o tema “Empresas que mais Respeitam o Cliente”, revelou que 51% dos entrevistados consideram como um item muito importante as ações de responsabilidade social que a empresa realiza na hora de se decidir por uma marca.


A indústria de bens de consumo já reúne iniciativas de sucesso. Ao fazer algumas substituições na tampa de plástico de seus desodorantes, a Unilever contribuiu com a simplificação da reciclagem das embalagens.


Outra. Com mudanças simples nas garrafas pet de refrigerantes, a AmBev, acabou economizando matéria-prima, o que resultou em 650 toneladas a menos no consumo de plástico por ano, reduzindo, conseqüentemente, o volume de lixo gerado. Ou seja, no fim, o benefício não é só do planeta, é redução de custos para a própria empresa também.
(fonte consumidor moderno)



Leia sobre a GB Lavanderia e seu trabalho constante pelo meio ambiente.


-------------

Curta e importante!

“De acordo com nossas pesquisas, a marca Brasil é
uma lovemark, amada no mundo todo, assim como
Itália e Austrália.”
[Kevin Roberts]

--------------------

Uma das frases mais importantes do ano:

“É com você.”
Radiohead, ao pedir em seu site que usuário definisse o preço de "In Rainbows", novo álbum da banda britânica lançado primeiramente pela internet


Nenhum comentário: